segunda-feira, 25 de agosto de 2008

-Estás de regresso?

- Não. Eu nunca regresso aos lugares de onde nunca parti.
(...)
- Mas, não tens andado por aqui... não escreves há muito tempo...
- O silêncio foi a escrita destes últimos tempos...
(...)